APRESENTAÇÃO

Minha foto
Campinas, S P, Brazil
Bacharel em Teologia pela FAETEPE.( PETROS ) Ensinador e Pregador da Palavra do Senhor

terça-feira, 3 de julho de 2012

ESCRAVO DAS ORELHAS FURADAS

“São estes os estatutos que lhes proporás: Se comprares um escravo hebreu, seis anos servirá; mas, ao sétimo, sairá forro, de graça. Se entrou solteiro, sozinho sairá; se era homem casado, com ele sairá sua mulher. Se o seu senhor lhe der mulher, e ela der à luz filhos e filhas, a mulher e seus filhos serão do seu senhor, e ele sairá sozinho. Porém, se o escravo expressamente disser: Eu amo meu senhor, minha mulher e meus filhos, não quero sair forro. Então, o seu senhor o levará aos juízes, e o fará chegar à porta ou à ombreira, e o seu senhor lhe furará a orelha com uma sovela; e ele o servirá para sempre.” (Êxodo 21.1-6)

5 comentários:

  1. Conta-se que dois jovens morávios souberam que numa ilha no leste da Índia havia três mil escravos pertencentes a um ateu britânico. Sem permissão de irem para lá como missionários, eles decidiram vender a si mesmos como escravos e usar o dinheiro para pagarem as passagens para a ilha. No dia da partida, as suas famílias e os seus amigos estavam reunidos no porto, sabendo que, após a sua partida, jamais os veriam novamente. Indagados sobre a razão que os levava a uma decisão tão extrema assim, eles permaneceram calados. No entanto, quando o barco estava se afastando, os dois rapazes gritaram: “Que através das nossas vidas o Cordeiro que foi imolado receba a recompensa pelo Seu sacrifício!”

    ResponderExcluir
  2. Graça e Paz Pr Nascimento, hoje ao abrir nosso blog para postar a devocional, li a sua mensagem sobre o escravo, e fiquei estarrecida, pois ontem a noite eu e meu esposo fizemos esta leitura que está abaixo no livro de Deuteronomio, tenho certeza que Deus está falando algo ao nosso coração, mas gostaria de compreender qual o contexto desta sua mensagem, o porque o senhor colocou este texto, gostaria muito de entender tudo isso.Se possivel poderá estar nos respondendo pelo e-mail do nosso blog, pcruzformacaodeadoradores@gmail.com
    ficaremos gratos.

    ''Quando teu irmão hebreu ou irmã hebréia se vender a ti, seis anos te servirá, mas no sétimo ano o deixarás ir livre.
    E, quando o deixares ir livre, não o despedirás vazio.
    Liberalmente o fornecerás do teu rebanho, e da tua eira, e do teu lagar; daquilo com que o Senhor teu Deus te tiver abençoado lhe darás.
    E lembrar-te-ás de que foste servo na terra do Egito, e de que o Senhor teu Deus te resgatou; portanto hoje te ordeno isso.
    Porém se ele te disser: Não sairei de ti; porquanto te amo a ti, e a tua casa, por estar bem contigo;
    Então tomarás uma sovela, e lhe furarás a orelha à porta, e teu servo será para sempre; e também assim farás à tua serva.
    Não seja duro aos teus olhos, quando despedi-lo liberto de ti; pois seis anos te serviu em equivalência ao dobro do salário do diarista; assim o Senhor teu Deus te abençoará em tudo o que fizeres''. Deuteronômio:15-12 a 18

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Paz...A fonte é de editora Ultimato, texto Enedina Sacramento.

      Excluir
  3. Paz do Senhor! Parabéns pelo seu blog, pois ele é muito edificante. Que nosso Deus continue te iluminando através de postagens que faz toda a diferença! Já estou seguindo seu blog e aguardo sua honrosa visita, comentário e seguimento em meu blog, o endereço é: http://adjardimpaulistaalto2.blogspot.com.br
    Em Cristo!

    ResponderExcluir
  4. Em tempos remotos havia escravos e seus senhores.
    Havia um período em que os senhores resolviam, pela bondade, dar carta de alforria para alguns de seus escravos, libertando-os de seus serviços escravos, porém alguns escravos não queriam deixar seus senhores pelo fato de sentir tanto amor por seus donos, pelo trato de bondade que recebera de seus senhores.
    Era costume da época então , os senhores perfurarem a orelha de tais escravos para diferenciarem dos demais, sendo assim chamados escravos da orelha furada, que serviam a seus senhores por amor e não por obrigação.
    Hoje somos de certa forma escravos de orelha furada, pois servimos ao Senhor que nos resgatou da maldição do pecado e tornou-nos livres, mas por amarmos ao Senhor, servimos-O por amor !!!

    ResponderExcluir